Páginas

sábado, 31 de março de 2012

O grande dia!!!!!!!!

Aviso: Post desconexo, cheio de exclamações, e erros gramaticais… Culpa do nervosismo. ;)

Oi gente!!!

Finalmente, após os seis meses mais loucos da minha vida, chegou o grande dia! O nosso Grande Dia!!!!!! Yeeeeeeeh!

É muito engraçado, por que até dois dias atrás eu não estava me sentindo nervosa, parecia quase como se eu estivesse anestesiada. Como se a ficha não tivesse caído, mesmo como P. aqui e toda a correria de fazer entrevista com padre daqui, confissão dalí, etc…

Ontem eu fui dormir quase duas da madrugada, e hoje às 6 já estava de pé. Uma bomba de adrenalina me impede de parar de balançar as pernas, e aí, como faz?? =P  Ontem no ensaio do casamento meu estresse em níveis colossais, me fez ter uma crise de riso na minha entrada, e se acontecer o mesmo hoje??!?!?! Oh God!

Bom, das duas uma, ou eu tenho uma crise de riso OU uma crise de choro. Qual a melhor, quero dizer: menos pior??

Ai socorro, socorro, SOCORRO!!!!!!!! Chega logo seis da tarde!

 

Bom é isso, só queria contar pra você que apesar de todo esse nervosismo/stress tô meeeeeeeeeeeeega feliz. Vou parar de escrever por senão vou com;car a dizer coisas sem sentido, e aí já viu né. =P

Da próxima vez que escrever aqui serei uma senhora (hahaha!) casada. Olha a responsa…

Por favor, gente, se puderem rezem ou mandem pensamentos positivos para nós hoje.

Beijos!!

 

  • Countdown update:  Today is the day!!!!!! =D

Daisypath Wedding tickers

quarta-feira, 21 de março de 2012

Murphy, eu te odeio muito!!!

Acho que você já conhece, ou pelo menos já ouviu falar na Lei de Murphy, né?

A teoria proposta pelo Capitão Edwad A. Mruphy, na verdade, fala sobre a possibilidade de erros e acertos. Onde os erros são mais comuns que os acertos. Mas o senso comum resolveu simplificar toda a teoria dem uma única frase: “se uma coisa pode dar errado, com certeza dará”.

Eu nunca fui supersticiosa e sempre levei a lei da Murphy como uma mera piadinha. E então que, a minha descrença nos estudos do distinto senhor, com certeza, fez ele se revirar no túmulo e manifestar toda a sua fúria em cima dessa que vos escreve…

Justamente agora, faltando exatamente DEZ dias pro meu casamento número um, uma gripe inexplicável e fortíssima tomou conta do meu ser.

Se liga no drama: meus olhos, que já são um tanto quanto ‘avantajados’, estão inchadíssimos tipo esbugalhado mesmo; meu nariz tá mais vermelho que um tomate maduro; minha voz meio fanha meio travesti; meu cerébro latejante e febre que já começou a dar as caras…

O noivo chegando em quatro dias; eu tendo de verificar os prazos dos fornecedores e terminar alguns pagamentos; fazer teste de cabelo e maquiagem, e a gripe lá… E essa gripe. Muito legal, né!

Agora me diz, por favor, como eu faço pra casar assim?!?!?!?!

Será que uma novena resolve?? =/

 

  • Countdown update: 10 dias!!!!!!     o/

Daisypath Wedding tickers

terça-feira, 13 de março de 2012

Save the date DIY – Tutorial faça você mesmo

Oi gente! Demorei, mas voltei. O motivo você já sabe, né!? Pois é.

Então, meu primeiro projeto DIY para o nosso casamento foram os nossos Save the Date. Eu pesquisei muito e queria alguma coisa que fosse sempre visível para as pessoas para que, sempre que o vissem lembrassem do casório (DÃÃÃ Manuelle, é pra isso que serve o Save the date!! =P). Então decidi que queria imãs, e lá fui eu pesquisar por modelos e preços dos imãs magnéticos personalizados e o quanto eu gastaria para fazê-los eu mesma.

A diferença foi imensa! Primeiro que eu não encontrei nada que eu gostasse de verdade, segundo o preço. Imagina que o cento dos imãs personalizados sairiam a R$500,00 reais for a o frete, enquanto o preço dos materiais se eu fizesse em casa sairia tudo por R$ 50,00 reais. Já dá pra imaginar o que eu escolhi, né?! ;)

Vou fazer um tutorial facinho pra você que quiser se aventurar nesse mundo do faça você mesmo (DIY), é super divertido e pra mim terapêutico, porque me desestressei!

Você vai precisar de:

* Cartões impressos em papel fotográfico fosco (pode ser qualquer outro papel que você prefira);
* 1 folha imantada adesivada (também conhecido como, Papel Magnético)
* 1 guihotina – opcional (eu comecei a usar a guilhotina, mas não gostei do resultado. Passei a usar o estilete + tesoura afiada e ficou perfeito!)

Mãos à obra!

GEDC0444

Primeiro você vai precisar fazer a arte dos seus cartões. Pode ser feito em qualquer programa de edição de imagens como, Photoshop, GIMP (free) e até o Paint! Eu, que não sou expert em edição de imagens, mas tenho uma noção. Fiz os meus cartões e modéstia à parte, adorei! Dá uma olhada:

 

Save-The-Date_thumb2

Lindo, né? Diz que sim! =P

Os meus cartões eu fiz no tamanho 10 x 5cm. Depois abri uma nova imagem em branco no tamanho 15 x 20cm (para ser impresso no papel fotográfico), e organizei os cartõezinhos nessa nova imagem. Assim ó:

 

BLOG-FINAL_SAVE_THE_DATE_thumb4

Após criar a arte/desenho/modelo do cartãozinho, basta imprimir em papel fotográfico em casa mesmo, se sua impressoa for bem bacana ou em qualquer casa de revelação de fotos (a do bairro mesmo serve). Por exemplo aqui, no meu bairro a impressão de cada “foto” com seis cartõezinhos (como na foto lá de cima) custou R$0,60 centavos de real, baratim baratim, né! Eu preferi  imprimir em papel fosco, porque o brilhante marca as digitais e é mais fácil de riscar.

Com as fotos dos cartõezinhos já impressos, você vai precisar medir e cortar a folha de papel magnético (que é muuuito grande) no mesmo tamanho do papel onde foram impressos os cartões. Retire o adesivo da folha imantada, e cole no verso do papel fotográfico.

Feito isso, você precisará ou da guilhotina ou do conjunto “estilete + tesoura afiada”, pra então cortar cada cartãozinho individualmente. **Eu recomendo muito a você de fazer umas tentativas antes de ir  pro ‘valendo’. Assim, você não vai cair na besteira de cortar muitos cartões ao meio, por não sentir segurança na guilhotina.** Experiência própria…

Após cortar os cartões, acabou. Isso mesmo, fácil assim. Agora é só jogar na geladeira, e tudo funciona direitinho! :)

GEDC0643

O mais legal dessa técnica, é que você pode usar esses imãs personalizados pra tudo. Se não fier como eu, que usei pro casamento, faça como lembrancinha do aniversário do filho(a), um imã legal e diferente pra sua cozinha ou escritório, enfim… o céu é o limite!

Gente, sem mentira nenhuma, os meus cartões Save the date foram feitos em 1:30h. Contando com o tempo de treino pós-desastre.

E aí, gostou? Se você fizer, por favor, volta e me conta o resultado!

Beijo.

  • Countdown update: 18 dias!!!!!   o/

Daisypath Wedding tickers 

quinta-feira, 1 de março de 2012

Casamento DIY – Faça você mesmo

Não foi uma mega surpresa quando o meu P. finalmente me pediu em casamento. Mas foi somente após a oficialização das coisas que a minha cabeça passou a pensar, de fato, em coisas de casamento, cerimônia, noiva, vestido, convite, etc, etc, infinitos etc.

Eu sou uma pessoa que adora coisas simples, o que não quer dizer “coisas fáceis”, porém delicadas. E eu adoro me sentir envolvida em tudo aquilo que me diz respeito… Quer situação que mais me diz respeito do que o MEU casamento?? Não, né!

Então fui atrás de sites que pudessem me inspirar , e descobri os projetos do it yourself (faça você mesmo). Não que eles fossem novidades pra mim, mas até então não pensava neles par ao casamento, mas avaliando as coisas eu percebi que:

* Primeiro, porque eu queria muito fazer as coisas do MEU jeito, o que pra algumas muitas pessoas é muito difícil de entender;

* Segundo, também pra tentar economizar um pouco, né! Afinal, serão dois casamentos e dinheiro tá longe de nascer em árvore, né (mimimi)!

E de pouquinho em pouquinho, utilizando todas as habilidades adquiridas na nossa querida e extinta, Experiência do Dia, do Bom dia & Cia (você se lembra?!?! Hahah!) fui fazendo algumas coisas para o nosso casamento eu mesma, aqui em casa, com ajuda da minha mãe-anjo-da-minha-vida.

Além de economizar uma grana e ter as coisas do meu jeito, descobri que o do it yourself, pra mim, foi um santo remédio para desestressar e ocupar minha mente pra não pensar só nas coisas ruim… Melhor que analista, baby! :)

Então, aos pouquinhos eu vou publicando aqui, as coisas que eu mesma fiz, que deram certo, e diga-se de passagem ficaram liiiinndas!! Passo a passo, assim você também poderá fazê-las, mesmo que não as use em um casamento, mas com certeza serão uma boa inspiração para serem usadas em um aniversário, baby shower, enfim… como você quiser!!

Beijos

  • Countdown update: 30, eu disse TRINTA dias!!!!!!

Daisypath Wedding tickers